A notícia de que a Massachusetts Mutual Life Insurance Co. (MassMutual), que tem $235B em ativos sob gestão, fez um investimento de $100M em Bitcoin, mostra claramente que houve um aumento na demanda por criptos entre os investidores institucionais.

Como disse o estrategista do JPMorgan Nikolaos Panigirtzoglou, a demanda por investimento está crescendo entre escritórios familiares, companhias de seguros, fundos de pensão e outros investidores com grandes quantidades de ativos. É improvável que as duas últimas categorias assumam posições significativas, porém, mesmo um pequeno movimento de seu capital no mercado de moedas criptográficas será tangível, diz Panigirtzoglou:

„As compras de Bitcoin da MassMutual representam outro marco na adoção do Bitcoin pelos investidores institucionais„. Pode-se ver a demanda potencial que poderá surgir nos próximos anos à medida que outras companhias de seguro e fundos de pensão seguirem o exemplo da MassMutual“.

Segundo ele, um investimento de 1% dos ativos das companhias de seguros e fundos de pensão nos EUA, na Zona Euro, no Reino Unido e no Japão trará um adicional de US$ 600 bilhões para o mercado de Bitcoin.
Ao mesmo tempo, o especialista do JPMorgan admite que as dificuldades associadas aos níveis de risco e responsabilidade limitam a capacidade dos investidores tradicionais, incluindo seguradoras e gerentes de pensão, de investir no cripto de referência.